Blog

15 Dec 2017

Continuando a série COMIDAS INFLAMATÓRIAS quem quer pão?

Comer pão inflama que nem o povo tá gritando por aí?

Com os pães integrais parece que não é bem assim que acontece... seu consumo melhorou vários parâmetros cardiometabólicos, melhorou glicose plasmática e regulação do apetite em pessoas saudáveis SEM ALTERAÇÃO NOS MARCADORES INFLAMATÓRIOS. Esses efeitos foram atribuídos ao trabalho das nossas bravas e incansáveis bactérias intestinais. Nooooooooosssaaaaaaaaa!!!!Pão não te inflama então??? Tô falando de pão de verdade (farinha de boa qualidade e água) não esse trem que diz que é pão e tem 8967847394875 ingredientes que a gente nem sabe ler o nome lá dentro!

O que tem ficado cada vez mais claro pra mim é que mais importante que consumo de certos tipos de alimentos considerados inflamatórios é BEM MENOS importante que o estado metabólico da pessoa.

Tá bem? Exames em dia? Que que tem demais comer um pão, gente?

Mesmo assim semana que vem te conto um pouco sobre alimentos anti-i...

15 Dec 2017

Texto de hoje é ponto contra o pão em especial pras pessoas que são sensíveis ao trigo, ou seja, relatam mal estar após ingestão de pão e similares que não apresentam diagnóstico sorológico ou histológico.

A doença celíaca é uma doença (alergia) relacionada ao glúten do trigo, centeio e cevada que gera uma inflamação (resposta imune que gera anticorpos específicos) e afeta as células do intestino delgado (quem quiser que eu explique melhor o que acontece, comenta aí embaixo). Pensa na complicação que é essa doença... intestino delgado é, além de uma barreira protetora, a porta de entrada de tudo que a gente ingere. A pessoa tem diarreias, cólicas fortíssimas, perde peso, pode ter doenças ósseas, anemia... Nessas pessoas exames de sangue mostram a presença de vários anticorpos uns mais e outros menos específicos pra essa patologia.

Só aumento de pum não te transforma em intolerante, tá? Quando eu era criança eu falava: quem não peida não é humano! Tão vulgarizando muito o termo intole...

15 Dec 2017

Uhuuuuu, polêmica!

Gordura saturada ou insaturada?

Banha ou azeite? O que te inflama?

É polêmico porque é controverso.

Tem estudos que afirmam o tipo de gordura que a gente consome tem associação com o peso e marcadores inflamatórios e outros não.

Essa revisão que eu tenho usado como referência nos últimos textos tá me falando aqui que a perda de peso é mais importante que o tipo de gordura que você usa quando falamos em inflamação e efeitos cardiometabólicos.

Esse artigo usou como base 10 estudos comparando os mais variados tipos de óleos e gorduras.

O negócio é usar o que você tem disponível, o que está ao seu alcance. Não tem uma regra sabe... e esse povo inventa coisa todo o dia, produto novo revolucionário com cara de milagre todo dia... cada semana tem uma coisa que tá na moda.

Vamos parar de comprar as coisas que blogueira fit manda, gente, poxa... Elas são pagas pra te mandar comprar isso e aquilo... e você? Faz é gastar mais dinheiro. 
Bora deixar de ser enganado?

A t...

15 Dec 2017

Já vou começar a lista de ALIMENTOS INFLAMATÓRIOS CULPADOS te decepcionando.

Não existem evidências suficientes na literatura pra dizer que leite e derivados são alimentos pró-inflamatórios, sorry... Estudos comparando o consumo ou não de leite e produtos lácteos como queijos, iogurtes e manteiga num curto período de tempo (3, 6 ou 8 semanas) não encontraram diferenças significativas nos marcadores inflamatórios plasmáticos.

Se você tiver alguma referência que contradiga isso me manda? Porque eu passei 3 horas aqui procurando alguma (de qualidade) e não achei não... Lembrando que cada um é cada um e o diagnóstico de intolerâncias e alergias deve ser analisado individualmente.

Beijo procê!

Fonte: Telle-Hansen et al. Does dietary fat affect inflammatory biomarkers in overweight and obese individuals? Genes and nutrition (2017).

7 Dec 2017

Lembra que eu falei que inflamação até certo ponto é amigona nossa?

Pois bem.

Sabia que depois que você come SEMPRE tem um aumento de marcadores inflamatórios no seu corpo? Pois é.... comer é colocar coisas que vem de fora pra dentro. E como qualquer coisa que entra dentro do seu corpo, a comida passa pelo crivo do seu sistema imunológico.

E esse aumento passageiro dos marcadores inflamatórios depois de comer acontece em TODOS NÓS MORTAIS embaixo do céu e acima da terra.

O negócio é que essa reação inflamatória pode ser maior ou menor dependendo do que a gente come. A forma como seu corpo vai responder a isso depende (basicamente) do tipo de gordura que você ingere, da quantidade total de calorias e conteúdo de açúcar que você colocou pra dentro.

E se a exposição a esses marcadores inflamatórios é persistente, constante, insistente, permanente e assídua, isso produz um estado de INFLAMAÇÃO CRÔNICA que pode levar ao desenvolvimento de doenças relacionadas ao estilo de vida.

Nos pr...

7 Dec 2017

Inflamação é uma resposta normal que protege a célula de danos. Ela é responsável por eliminar um agente nocivo e consertar o estrago que ele deixou.

Mas, o que inflamação tem a ver com sistema imune? Só tudo... A inflamação é o que acontece quando seu sistema imune trabalha pra combater um agente agressor no seu corpo. Que amigões queridos, né?

O negócio é que quando a inflamação deixa de estar só lá no pelo encravado da sua virilha ela não é mais uma amiga... Na obesidade essa resposta inflamatória é crônica e acontece em vários tecidos, mas, principalmente no tecido adiposo. O aumento dos níveis circulantes de proteínas pró-inflamatórias prejudica a função imune, alterando a contagem de leucócitos e as respostas imunes mediadas por células. Mas sabe-se também que a função imune quando está alterada também contribui para a patogênese da obesidade. Em resumo, quando a inflamação toma conta, ela prejudica o sistema imune e o sistema imune quando não tá funcionando bem aumenta a infla...

7 Dec 2017

Fechando a série #aiquefomecientifica bora fazer um resumão?

Os mecanismos neurais e moleculares que controlam o comportamento alimentar integram pistas sensoriais (ver, degustar, saborear), pistas humorais (nutrientes, metabólitos, hormônios) e isso tudo é modulado por mecanismos homeostáticos e vias de prazer e recompensa.

É um sistema que envolve muitas variáveis e que está bem longe de ser totalmente elucidado! A única certeza que temos em ciência é de que quanto mais descobrimos mecanismos, mais temos que investigá-los. Pode ver, tudo que é artigo científico (sério) é finalizado com um “mais estudos são necessários para investigar blablablabla”. TODOS!!!!!! O famoso só sei que nada sei. Desconfie de “verdades absolutas”… Meu objetivo com essa série foi ampliar pra você a visão do comer (espero ter conseguido). O ato de comer não é simplesmente um entrar/sair de calorias. Isso vai muito além! É muito mais rico! Comer é um ato social que deve estar associado a prazer, felicid...

Please reload

Por interesse
Por data
Please reload

Me segue ;)
  • YouTube Social  Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

Estrasburgo - França

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon

© 2023 by Alison Knight. Proudly created with Wix.com