Blog

Amamentar combate alergias


Estudos têm mostrado que crianças alimentadas com fórmulas em vez de leite materno têm maior probabilidade de adquirir infecções gastrintestinais e de ouvido.

A alimentação pós-natal influencia as mudanças acontecidas na mucosa do trato gastrintestinal e estão associadas ao nível de inflamação na mucosa, autoimunidade e proteção contra problemas alérgicos na infância e na vida adulta. Crianças que mamam no peito têm um a composição bacteriana diferente das que tomam fórmula.

O consumo de fórmulas tem um impacto profundo no sistema imunitário do intestino da criança devido ao aumento de moléculas pró-inflamatórias, alterações na morfologia da membrana e alterações microbiota intestinal.


Dica? Todo mundo sabe que a recomendação é amamentação exclusiva até os 6 meses de idade e idealmente continuada até os 2 anos ou mais! Amamentar protege o intestino de bebê e pode evitar problemas alérgicos desde o nascimento até a vida futura.


Fonte: Yeruva, et al. Formula diet alters small intestine morphology, microbial abundance and reduces VE-cadherin and IL-10 expression in neonatal porcine model. BMC Gastroenterology (2016)

Me segue ;)
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
Por interesse
Por data

Dieta Científica

Fisiologia Humana

ROSANA DANTAS

715.685.651-00

Rua Filadelfo Cruvinel 89

Rio Verde - Goiás - Brasil

+33 7 66 02 69 49

contato@dietacientifica.com

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon

© 2018 by Rosana Dantas.